Download Free Designs http://bigtheme.net/ Free Websites Templates

As FIPGuanambi dão início aos Programas de Residência Médica na região.


As Faculdades Integradas Padrão – FIPGuanambi, através de seu compromisso com o Programa Mais Médicos iniciaram oficialmente, no mês de abril de 2020, os Programas de Residência Médica na cidade de Guanambi/BA.

A Residência Médica representa o padrão-ouro de formação do médico. Trata-se de um programa de especialização intensivo e eminentemente prático, no qual o médico aprimora suas habilidades e define competências para uma área de atuação.

As FIPGuanambi estão apoiando as residências de Clínica Médica e de Pediatria, que ocorrem no Hospital Geral de Guanambi e em unidades de saúde do próprio município e é também a responsável pela gestão da Residência de Medicina de Família e Comunidade, que ocorre principalmente nas unidades da Estratégia Saúde da Família.

A cerimônia inicial de instalação de programas de residência médica pelas FIPGuanambi foi restrita, considerando o momento de isolamento social, mas contou com a presença virtual da Professora Fátima Turano, que deu as boas-vindas aos médicos residentes e reiterou a parceria com o Hospital Regional de Guanambi. A professora salientou a relevância da Residência Médica para o município e para a região e as potencialidades futuras e destacou que o momento atual necessita muito da participação de profissionais de saúde comprometidos com a assistência de qualidade.

O diretor do campus das FIPGuanambi, Rafael Gontijo, também destacou a importância do programa para a região: "As residências médicas melhorarão a rede de saúde da comunidade, seja na qualificação médica, seja no aprimoramento dos profissionais que farão parte do nosso corpo docente. Será uma grande oportunidade para que os alunos formados na região sejam estimulados a continuar sua formação na localidade."

A residência de Medicina de Família e Comunidade (MFC), inicia suas atividades com duas médicas residentes e terá duração de 2 anos. A residência de Clínica Médica, com 01 residente e com duração também de 2 anos. Já a residência de Pediatria, com 3 médicas residentes aprovadas terá duração de 3 anos.

Todos os programas foram aprovados pela Comissão Nacional de Residência Médica, que esteve presencialmente em Guanambi, visitando as instalações do hospital, do município e das FIPGuanambi. Os avaliadores destacaram, em relatório final, as boas surpresas que tiveram com o município e a qualidade das instalações e dos serviços da FIPGuanambi.